Igualdade no esporte

A Copa do Mundo de Futebol Feminino começou em sete de junho e está em sua oitava edição. Mulheres talentosas do Brasil e do mundo disputando um campeonato que até um bom tempo atrás era território só dos homens.

Mas apesar da conquista dessas guerreiras nos campos, ainda existe um abismo em relação a importância dos campeonatos. Quando ocorre uma competição masculina, o país inteiro para e todos ficam com os olhos voltados para os jogadores brasileiros. Empresas param e liberam seus funcionários para torcer, as pessoas investem para se vestir com as cores do Brasil. E infelizmente não temos visto essa mesma situação acontecendo na Copa do Mundo de Futebol Feminino.

Além disso, o valor do prêmio pago nos jogos também são diferentes. Neste ano a Fifa dobrou para cerca de 27 milhões de euros. As campeãs mundiais ganham 3,6 milhões de euros. Isso ainda é apenas uma fração do prêmio na competição masculina: na Rússia, a Fifa deu 32,3 milhões de euros à campeã mundial França.

Por esse motivo, a nossa camisa 10 brasileira Marta, está exibindo sua chuteira com o símbolo à favor da igualdade de gênero no esporte. Ela está sem contrato com qualquer patrocinadora de material esportivo desde julho de 2018, porque o valor proposto foi bem abaixo do que ela recebia.

A brasileira e única atleta eleita seis vezes a melhor do mundo, que já marcou mais gols que o rei Pelé e ainda se tornou a primeira mulher a balançar a rede em cinco edições diferentes do torneio (2003, 2007, 2011, 2015 e 2019), continua lutando por melhores salários e bons contratos esportivos para as mulheres.

Marta resolveu aproveitar essa Copa do Mundo que está sendo a mais assistida da história do torneio feminino em todo planeta, para mostrar que a premiação das atletas ainda está muito abaixo em relação ao futebol masculino. E busca com essa campanha ajudar as próximas gerações do futebol feminino, a usufruir de uma qualidade melhor de trabalho, mostrando ao mundo que a igualdade é necessária.

Nesse sentido, eu como presidente da comissão de Esporte e Lazer da Câmara Municipal de Vitória, quero contribuir também para que o esporte feminino seja melhor reconhecido aqui na nossa cidade. Recentemente aprovamos o Projeto de Lei nº 5040/2018 que dispõe sobre a igualdade das premiações esportivas realizadas, apoiadas ou patrocinadas por órgãos e entidades do poder Público Municipal de Vitória.

É preciso continuar fazendo um trabalho de valorização dessas atletas, com apoio financeiro Municipal e Estadual. Não vou medir esforços para deixar minha contribuição nessa categoria tão importante para o esporte como um todo.

 


Vereador Sandro Parrini (PDT)


 

Data de Publicação: segunda-feira, 24 de junho de 2019

ACOMPANHE A CÂMARA

Endereço:
Av. Marechal Mascarenhas de Moraes, n° 1788
Bento Ferreira - Vitória/ES - CEP: 29050-940


Telefone: (27) 3334-4500
E-mail: cmv.dec@gmail.com

Atendimento ao Público:
De segunda a sexta, das 08h00 às 18h00

Dia e horário das Sessões Plenárias:
Terças, quartas e quintas-feiras,
a partir das 16h00

Copyright © Câmara Municipal de Vitória. Todos os direitos reservados.
Ágape Consultoria