Verdade ou Mentira?

Um dia desses recebi uma mensagem de Whatsapp que pedia a prisão de uma pessoa com base em uma nota lida em uma coluna de um site desses que exageram os fatos. Perguntei se havia provas mais contundentes contra a pessoa ou se algum inquérito já havia sido aberto contra o suposto corrupto (?).

A resposta foi: “A nota online é uma prova. O fulano deve ser preso”. As opiniões não se formam mais a partir de fatos. Os fatos se curvam às opiniões.

Não quero aqui questionar a idoneidade desse ou daquele veículo. O que coloco em discussão é a responsabilidade de quem divulga informações falsas, boatos contra pessoas, empresas, entidades, raças, religiões e governos.

Ninguém escapa. Todo mundo pode ser alvo fácil de uma notícia “plantada”, de uma informação falsa criada para encobrir outros fatos, difamar, acusar ou simplesmente causar prejuízos financeiros ou emocionais a terceiros.

É preciso cuidado e discernimento. Nem todo mundo recebe a mesma mensagem da mesma forma. Ainda mais nas redes sociais, que ainda carecem de um lastro maior de credibilidade.

Há pessoas que acreditam firmemente em mentiras criadas simplesmente para enganar a opinião pública e manipular informações.

Seguramente a informação é hoje um dos maiores bens da sociedade, pois é por meio de sua propagação que opiniões são formadas. Distorcê-la a bem de determinado propósito ou grupo, é cegar a visão, tornando o futuro nebuloso e com pouca justiça social.

Em primeiro lugar, desconfie de qualquer notícia nova da web. A palavra de ordem é bem simples: PESQUISAR. Sempre que receber uma notícia de teor desconhecido, vá ao Google e pesquise a informação.

Mesmo que você encontre a fonte da informação, procure, antes de compartilhar, PESQUISAR a credibilidade da página que divulga a informação.

É bom lembrar que existem sites de humor que divulgam notícias sem o informe de que são humorísticas, como o “Sensacionalista”. Analise o site e veja se ele é de confiança.

Por outro lado, procure analisar bem as informações a fim de verificar se elas não estão DISTORCIDAS. É interessante ler e pesquisar em sites diferentes e averiguar se uma página específica não possui uma abordagem tendenciosa sobre a notícia.

Data de Publicação: segunda-feira, 05 de dezembro de 2016

ACOMPANHE A CÂMARA

Endereço:
Av. Marechal Mascarenhas de Moraes, n° 1788
Bento Ferreira - Vitória/ES - CEP: 29050-940


Telefone: (27) 3334-4500
E-mail: cmv.dec@gmail.com

Atendimento ao Público:
De segunda a sexta, das 08h00 às 18h00

Dia e horário das Sessões Plenárias:
Terças, quartas e quintas-feiras,
a partir das 16h00

Copyright © Câmara Municipal de Vitória. Todos os direitos reservados.
Ágape Consultoria