Precisamos discutir mobilidade urbana

Está no noticiário todos os dias. Basta ligar o rádio pela manhã que uma notícia já se tornou padrão: congestionamentos na Grande Vitória. Para chegar ou sair da capital, alguns trechos são cada vez mais desafiadores, como os acessos pelo Centro, Terceira Ponte e BR-101 ou avenida Norte-Sul, para quem vem ou vai para a Serra. O grande volume de veículos que transitam por Vitória cresce a cada ano e obras para ampliar as vias são cada vez mais caras e pouco viáveis, uma vez que o município está bastante consolidado do ponto de vista urbano. 
 
Como ampliar vias estreitas, rodeadas por prédios que tornariam a desapropriação inviável financeiramente e até no aspecto urbanístico? Vale a pena descaracterizar nossa cidade para que caiba cada vez mais carros? Temos alguns espaços em obras que vão melhorar a mobilidade urbana em Vitória, como o Portal do Príncipe, que está reconfigurando o acesso a Vitória para quem chega da Segunda Ponte e da Cinco Pontes e reurbanizando a região. Mas não é em todos os locais de grande fluxo na cidade que uma obra desse porte é possível. 
 
Com o crescente número de veículos, apenas obras não são suficiente. Precisamos discutir mobilidade urbana de maneira mais ampla, considerando uma mudança não só da cidade, mas também das pessoas. Precisamos discutir melhorias no transporte coletivo, considerar formas alternativas de mobilidade — como bicicletas e caronas — e novos hábitos. 
 
É sabido que mudar o horário de expediente dos funcionários diminui o tempo de chegada à empresa e o índice de atrasos, além de dar mais qualidade de vida aos trabalhadores que, com isso, poderão trabalhar menos cansados e mais motivados. Precisamos considerar o uso das bicicletas para distâncias mais curtas. E, por que não, andar mais a pé? Vamos tentar deixar mais o carro em casa quando for à padaria ou à farmácia? Vamos discutir mais mobilidade urbana no nosso dia a dia. Conversar com amigos, com familiares, com os gestores das empresas. Cobrar dos políticos, conhecer suas propostas e suas ações para melhorar o deslocamento da população. Somente com as pessoas tomando mais consciência, mudando seus hábitos e, com isso, trabalhando em parceria com o poder público, é que poderemos melhorar o trânsito da nossa cidade. 
 
Max da Mata

Data de Publicação: quarta-feira, 15 de outubro de 2014

ACOMPANHE A CÂMARA

Endereço:
Av. Marechal Mascarenhas de Moraes, n° 1788
Bento Ferreira - Vitória/ES - CEP: 29050-940


Telefone: (27) 3334-4500
E-mail: cmv.dec@gmail.com

Atendimento ao Público:
De segunda a sexta, das 08h00 às 18h00

Dia e horário das Sessões Plenárias:
Terças, quartas e quintas-feiras,
a partir das 16h00

Copyright © Câmara Municipal de Vitória. Todos os direitos reservados.
Ágape Consultoria